Fla-press interfere na decisão do juiz e tenta com manipulações visuais provar que o Flamengo venceu honestamente

A vergonha alheia, é sempre isso. Ontem, mais uma vez o saco de pancadas do Vasco usufruiu de meios extra-jogo para se beneficiar no campeonato. 

Não é de se estranhar que um time que não consegue ficar uma semana no G4, tenha logo em 2016 (ano que foi bi-vice de times de terceira divisão; que foi eliminado precocemente da Copa do Brasil por clube de série C e que tenha sido eliminado na Sulamericana por time desconhecido do Chile) tenha estado "tão forte" no campeonato Brasileiro.

Vou repetir o que já falei por aqui: eles querem dar o título para o roubo-negro para maquiar a realidade

Veja bem, o Vasco está na série B. Não é de se estranhar que a mídia tenha sido pesada em cima do cruz-maltino. Enquanto o lixo do Rio tem tanto ajuda na arbitragem como na mídia, o nosso clube vai pelo caminho inverso: derrotas são transformadas em grandes vexames (mesmo não sendo). A série B foi transformada no caso, é série D e todos os clubes da série A (só em relação ao Vasco), se tornaram automaticamente, fora de série em relação ao time de São Januário (apenas o time de São Januário, os outros não!)

Ontem, ao assistir o jogo do Fluminense com meu irmão gêmeo (que é tricolor). A Fla-press se deliciou. Os homens deram gol ilegal ao roubo-negro. Fontes alegam impedimento do jogador do lixo.

Só entre nós: o jogo não foi essas coisas. 

O narrador da Globo vivia falando que o jogo estava "quente" (se a expressão dizer que estava favorável ao time mais inexpressível do Rio, considero verdade); Além disso, vivia exaltando a pessoa do Diego (uma "cópia" do Nenê do Vasco, na qual já no coração de um amigo mulambo que tenho, é melhor que nosso camisa 10). 

A parte polêmica da situação não foi só os comentaristas e jornalistas criando manipulações de imagem para fazer que o Fluminense estava reclamando de barriga cheia. Se o gol realmente fosse ilegal, não estaria nem escrevendo esta postagem, mas a apelação de usar a televisão para dar invalidar um gol que o juiz já tinha dado como certo, mostrou como o circo da mídia age em relação ao seu timinho pessoal. 
 
Se fosse assim,então por que não fizeram o mesmo contra o Vasco? Em 2014 perdemos receita e ainda tivemos que ser zombados por perder roubado. Até Roberto Dinamite com PROVAS (nem precisava de provas), foi até a FERJ para anular o título... resultado: deu em nada!

Agora os mulambetes estão querendo reclamar de que?
 A Fla-press é tão escrota, mas tão escrota, que relembram o caso do gol de mão do Barcos em 2012, na tal situação, mostram que o juiz foi atrás. Essa é a razão usada por eles para não punir o Flamengo! (O circo é tão engraçado, que estão querendo usar um gol de mão visível para um impedimento que não existiu. 
Nem mesmo o bandeirinha sabia quem era o cidadão responsável pelo o lance - acho que nem os torcedores do Flamengo sabem). Veja na imagem abaixo, sem manipulação da Globo, quem realmente "estava adiantado" - o que nos leva a saber que o autor do gol não tinha culpa no cartório e que o gol foi legal.
Repito: eles querem apagar a freguesia ao Vasco dando um título da série A a eles, só para terem algo para se vangloriar. Até uma criança já entende a situação: "enquanto o Vasco ganha uma imagem de medíocre por vencer a segunda divisão, o Flamengo ganhará a imagem como o time mais poderoso do Braisl, por "vencer" a série A.
Se isso mesmo se consolidar, prepare-se para 2017, na qual, vão querer transformar o clube de São Januário em time pequeno em relação ao projeto de rival. Por isso eles tem raiva do Eurico Miranda, que sempre expõe e debocha desses jornalistas rubro-negros.

Nenhum comentário

Vascaínos na Web. Tecnologia do Blogger.