Sabia que o Vasco parou uma guerra?




Em 1949, o Expresso da Vitória (conhecida hoje como a mais vitoriosa equipe que o Vasco já teve em sua história), seguiu o mesmo exemplo do Santos de Pelé, interrompendo o conflito entre Israel e Palestina. A oportunidade surgiu, quando e equipe vascaína fazia uma excursão pelo mundo, marcando um amistoso contra o time israelense Maccabi Tel Aviv Football Club do Israel, um dos times mais populares do país. 

Israel vivia a Guerra civil no Mandato da Palestina. 



A chegada do Expresso da Vitória fez com que os governantes israelenses decretassem feriado nacional e permitisse que toda a população pudesse chegar ao local da partida e ter um breve momento de paz. O jogo terminou 3 x 0 pro Vasco. Gols de Ademir Menezes, Tesourinha e Heleno.

  • Curiosidade: Nessa mesma excursão o Vasco ganhou de 7x2 do Barcelona e é até hoje a maior goleada sofrida pela equipe espanhola.
Ainda sobre esta informação, não encontrei algo mais sobre isso na internet. Nem em sites sobre o Vasco e nem na página do wikipedia sobre o mesmo. O que eu encontrei, foram apenas informações da guerra, da qual, os árabes queriam exterminar Israel após se tornar uma nação em 1948. Os palestinos não queriam fazer acordos de paz.



Vasco colabora com as Forças Armadas durante a Segunda Guerra


O Vasco da Gama colaborou com o Brasil até mesmo nas horas de guerra, o clube colocou São Januário a disposição das Forças Armadas Brasileiras no período da Segunda Guerra Mundial. O clube bancava a Escola de Instrução Militar, que formou cerca de 10 mil soldados.



Nesse período, o Vasco serviu de alojamento para os soldados que vinham de outros estados a caminho da Guerra na Itália; nele realizou-se a primeira demonstração de defesa antiaérea e desfile das forças motorizadas. 

Realizou uma partida em benefício às vítimas dos bombardeios dos nossos navios pelos submarinos alemães; e serviu como única fonte de lazer para os militares, sediando várias competições esportivas entre as marinhas do Brasil, Estados Unidos e Inglaterra. O Vasco doou à Força Aérea Brasileira dois aviões para serem utilizados na guerra.

Um comentário:

  1. e por isso que me orgulho de ser vascaino so uma coisa e os mulambos sera que eles servirao pelo menos para bucha de canhao

    ResponderExcluir

Vascaínos na Web. Tecnologia do Blogger.