Podemos acreditar numa recuperação do Vasco?

Fala caro vascaínos do blog. Realmente, faz muito tempo que esta página não é atualizada. O motivo, todo mundo já sabe - minha total mágoa com o querido Vasco da Gama. Desde a última postagem, ignorei o jogo, na qual, nossa equipe empatou com o Palmeiras por 1x1 e também, do vexame de tomar 3 do Bahia, que teve direito a gritos de olé e que foram responsáveis pela demissão do Milton Mendes.


Agora, eu espero poder escrever com um pouco mais de alegria. Para começar, vou dar minha opinião sobre o Zé Ricardo, ex-treinador do projeto de rival, que hoje, está a frente da nossa equipe. Acredito que ele seja melhor que o Milton Mendes, pois tirando seu último trabalho, ele fez um ótimo trabalho para o time sem estádio, colocando na libertadores, uma equipe que tinha fama de ficar poucas rodadas no G4, com chances de título ainda. Sei que muitos levam a bandeira do clube longe demais, mas temos que entender, que além da paixão, futebol é negócio.


Pro Vasco lucrar, temos que vencer. Estar por cima! Isso não acontece, desde 2001, quando ganhamos o nosso último campeonato nacional. Depois disso, as sombras vieram e o clube começou sua saga de sofrimentos, tristezas e vexames. Chegando ao ponto, de estarmos com três rebaixamentos, em oito anos. 

De toda a má fase, qualquer equipe já teria sido extinta com dois rebaixamento numa década, mas nosso Vasco passou por três, e ainda, enfrenta uma força da mídia para enterrá-lo de vez. Você sabe como é chato, ver gente que não entende nada de futebol, disser que o seu time, que já doou aviões para a segunda guerra, que lutou contra o racismo, que construiu do nada, o melhor e mais completo estádio próprio entre outras coisas, ser tachado como 'sem história'.

A marca tem sido desvalorizada e com isso, aquele que era conhecido como Gigante, não tem animado aqueles que o amam. Por isso, que precisamos de uma mudança. Mudança política sim! Temos que modernizar o Vasco, e não viver como se estivéssemos nos anos 50. Não vou dar minha opinião sobre o melhor candidato e minha intenção não é nem falar disso - mas já está claro, que o pessoal do Eurico Miranda, não pode mais estar a frente deste clube.

Por isso, para recuperar a imagem do Vasco, ou ressuscitá-lo. Devemos contratar profissionais competentes, mesmo que eles tenham tido história em clubes de pequena expressão, como foi agora, o Zé Ricardo. 

Antes de julgar, vamos analisar os três primeiros jogos dele a frente da equipe, para termos uma ideia, ok?


Os últimos sofrimentos, deixaram a torcida, chata demais na minha opinião. Ramon até a semana passada, era considerado por muitos, um merda. Hoje, tenho certeza, que agora, o vêem de forma diferente. 

Eu pessoalmente, não vi o jogo. Poderia ate ver, mas como eu explico desde 2014, sábado, eu tenho curso de desenho na Tijuca e horários como foi o clássico de hoje, fica difícil acompanhar. É claro que sabia dos resultados e de como estava a partida, por causa do meu irmão gêmeo, que é tricolor e que estava bem mais animado do que eu.


A revolta dele, foi ver que o nosso clube, que a três clássicos atrás, tinha levado duas goleadas por 3x0 no estadual, não era o mesmo time. Era um clube motivado, isso, sem falar que 90% dos torcedores no Maracanã, eram tricolores (e que eu, tive o prazer de dividir o trem no metrô, na minha volta para casa).



É certo que tem muito jogo pela frente, mas depois de tudo que passamos neste ano. Sim, esse é o treinador que confio. Espero não me enganar, mas um cara, que tornou o Flamengo, um time pequeno que ficou anos fora do G4, quase conseguir ser campeão brasileiro, é currículo o suficiente pra mim, muito mais aquele que dizia ser "estudado na Uefa".

Coisas maiores virão, porque o Vasco é grande.

Boa semana a todos, mas desta vez, vou voltar a postar no blog.

Abraços.

Nenhum comentário

Vascaínos na Web. Tecnologia do Blogger.