Com boa atuação de meninos da base, Vasco vence Remo e segue na Copa do Brasil

O clube atingiu uma nova marca hoje: 23 jogos de invencibilidade!

Além disso, se não perder para o Botafogo, ganhará seu sexto carioca invicto, algo que nenhum outro time do Rio conseguiu. Que diferença da agonia do ano passado, hein?

Para atingir esta meta, Jorginho teve que poupar titulares. Afinal, o time adversário hoje, era bem mais fraco. Fora isso, ainda tinha a vantagem, porque o Vasco venceu o jogo anterior.

Como o cenário era favorável, o Vasco aproveitou para aplicar aquilo que quer estabelecer esse ano: a base. Poucos titulares em campo, e alguns garotos para serem testados. Garotos que jogaram bem e decidiram a partida com suas boas atuações. 

Destaque aqui para Caio Monteiro, que fez seu primeiro gol no profissional. 

Lembro que aquela partida contra o Flamengo, em Brasília, o moleque jogou muito bem - me surpreendeu inclusive. Agora, em companhia de Henrique e Evander, ajudaram o Vasco a cumprir seu objetivo.

Na saída do intervalo, Luan disse que o time estava jogando mal. Eu não achei isso, o time estava fazendo o seu papel, administrando a vantagem. Como o adversário não causava perigo, o Vasco não se sentiu obrigado a marcar gols. No segundo tempo, como o time deles ficou mais ofensivo, permitiu que o Vasco chegasse e marcasse logo dois gols. Confira os melhores momentos:

Nem mesmo o gol do Remo causou impacto negativo na partida, apesar que senti que Martín poderia ter saído na bola, mas, como sempre, este cara é um santo dentro das quatro linhas. Fez três defesas difíceis, quando por sorte, o adversário arriscou - talvez se tivéssemos um goleiro de menos qualidade, poderia ser diferente.

Só não entendi a permanência de Nenê no jogo de hoje, já que a ideia era poupar titulares. 

A partida contra o Botafogo será a mais difícil do ano até agora, e eles deixam jogando em uma partida quase já ganha o melhor jogador do time? Só o que importa, é que deu tudo certo. Gostei também da atuação do Pikachu, que demonstra estar louco para marcar - com certeza, fará o primeiro dele com a camisa do Vasco na final contra o Botafogo, pode esperar.

Agora é só esperar domingo.

Nenhum comentário

Vascaínos na Web. Tecnologia do Blogger.