Brasil é o país que me mais cava falta na Copa do Mundo

Nunca os americanos estiveram tão animados com o futebol.  Tanto que sua imprensa de lá tem dado muita ênfase a competição, chegando a criar matérias exclusivas acerca do esporte e da Copa. 

Entre matérias e análises, lá eles tem um tal costume de fazer "rankings" e um dos mais curiosos foi aquele publicado no jornal de Wall Street: seleções que mais cavam faltas na Copa.

"Uma das grandes reclamações da esplêndida Copa do Mundo é o tempo gasto com lesões inventadas. Eles gritam, se contorcem, batem com os punhos na grama e pedem a maca. Mas momentos depois, eles sentam, chacoalham a dor, ficam em pé e correm para jogar um pouco mais."
Jornal de Wall Street

Os caras foram tão longe que chegaram a calcular o número de faltas cavadas nas duas primeiras rodadas da competição junto com o tempo que se perdeu com cada uma delas. Coletaram 293 faltas, num resultado de 118 minutos de jogadas inúteis (faltas falsas). Veja o top 10 do Ranking:
  • 1º Lugar: Brasil (17 faltas - 3minutos e 18 segundos gastos)
  • 2º Lugar: Chile (16 faltas - 6minutos e 58 segundos gastos)
  • 3º Lugar: Honduras (15 faltas - 7minutos e 40 segundos gastos)
  • 4º Lugar: Nigéria (15 faltas - 6minutos e 25 segundos gastos)
  • 5º Lugar: México (15 faltas - 3minutos e 58 segundos gastos)
  • 6º Lugar: Costa Rica (13 faltas - 3minutos e 48 segundos gastos)
  • 7º Lugar: Estados Unidos (12 faltas - 6minutos e 24 segundos gastos)
  • 8º Lugar: Equador (12 faltas - 4minutos e 33 segundos gastos)
  • 9º Lugar: França (10 faltas - 7minutos e 19 segundos gastos)
  • 10º Lugar: Coréia do Sul (10 faltas - 4minutos e 31 segundos gastos)
Sem falar que a matéria também criticava o jogador Neymar, que foi o que mais "se jogou no chão" pela seleção brasileira, chegando a cair cinco vezes... ha-ha!

Nenhum comentário

Vascaínos na Web. Tecnologia do Blogger.